Publicado em 13/06/2018 20h09

CNA e entidades do setor debatem normas técnicas da avicultura brasileira

Exportação da carne de frango para a Europa e certificação internacional

Um comitê técnico formado pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) iniciou nesta segunda-feira (11) as discussões para revisar as normas técnicas da avicultura brasileira. 

O grupo pretende analisar pontos como o controle e monitoramento da Salmonella, exportação da carne de frango para a Europa e certificação internacional. “A demanda surgiu depois de uma reunião dos representantes da cadeia produtiva da carne com o ministro Blairo Maggi. A CNA vai coordenar esse grupo, mas também vamos criar outro para discutir a imagem da carne de frango”, afirmou o coordenador do Grupo Técnico de Defesa Sanitária da CNA, Decio Coutinho.

O vice-presidente da ABPA, Rui Vargas, disse que a entidade tem uma lista de prioridades para “readequar o setor, dentro das condições normais de trabalho, e recuperar os prejuízos que a avicultura teve nos últimos dois anos”. Luiz Eduardo Rangel, secretário de Defesa Agropecuária do Mapa, ressaltou que o ministério vai receber as demandas do grupo e trabalhar para construir o que for possível com o objetivo de melhorar a aplicação das normativas do setor. 

Autoria: CNA - Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil

  • Link:

Comente essa notícia

Publicidade

A Agroin Comunicação não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos. Todos os direitos reservados © Copyright 2014