Publicado em 11/07/2018 18h13

Avicultores de GO temem interrupção de plantas da BRF e pedem apoio do governo

Presidente da Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás se reuniu com o ministro da Agricultura, Blairo Maggi

O presidente em exercício da Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg), Bartolomeu Braz, se reuniu nesta terça-feira (10/7) com o ministro da Agricultura, Blairo Maggi, para pedir apoio à avicultura no Estado. Segundo comunicado da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), o setor teme o fechamento em Goiás de frigoríficos da BRF que produzem carne de aves. "A nossa expectativa é que possamos nos reunir com a diretoria da BRF, juntamente com o ministro da Agricultura, para resolver a situação de Goiás. É preciso garantir que os produtores rurais permaneçam na atividade e continuem gerando emprego", ressaltou Braz. A preocupação do setor se deve a declarações da BRF, dadas no mês passado, informando o fechamento da unidade de abate de perus em Mineiros (GO), devido à impossibilidade de exportação.

"Buscamos outras saídas para que transformassem os aviários de peru para frangos para manter os empregos na região. Na audiência, o vice-presidente da BRF nos garantiu que não fecharia nenhuma unidade em Goiás, mas fomos surpreendidos com a notificação da diminuição dos abates na unidade de Rio Verde", declarou o representante da federação na nota. Também participaram da reunião a senadora Lucia Vânia (PSB-GO), o presidente da Associação dos Granjeiros de Rio Verde, Ângelo Thomaz, o produtor rural em Mineiros (GO), José Mário Schreiner e o secretário da Secretaria de Defesa Agropecuária do Ministério, Luiz Rangel.

Autoria: Estadão Conteúdo

  • Link:

Comente essa notícia

Agenda de Eventos
Publicidade

A Agroin Comunicação não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos. Todos os direitos reservados © Copyright 2014