Publicado em 22/01/2015 10h13

Em Minas, frango vivo registra vigorosa alta, a quarta em duas semanas

No dia 21 de janeiro, o frango vivo disponibilizado em Minas Gerais foi negociado por R$2,55/kg, ou seja, com alta de 10 centavos em relação ao preço que vigorou nos dois dias anteriores e de 25 centavos em relação ao preço inicial do ano. Esse foi, também, o quarto reajuste obtido pelos avicultores mineiros nos últimos 14 dias.

cons

O fato é que, após abrir o ano por um valor inferior ao registrado no interior paulista, o produto de Minas Gerais agora alcança cotação 8,5% superior. Mas não só isso, visto que nos primeiros 21 dias de 2014 e nos últimos 30 dias alcança valorização de 10,87%. Por fim, a variação anual, até recentemente negativa, agora apresenta incremento de 4,08%. E o mercado permanece firme.

Não é o que ocorre em São Paulo, onde ontem – conforme a Jox Assessoria Agropecuária – a cotação do frango vivo só não recuou porque os compradores não demonstraram interesse em negociar. 

Em suma, não há procura e as ofertas normais existentes – já volumosas para o momento (segunda quinzena do mês e período de férias de boa parte da população) - continuam sendo engrossadas por produto vindo das integrações. Que, adotando como estratégia a venda do frango em pé, tentam preservar os preços do frango abatido.

Não tem funcionado. Depois de brevíssima alta nos primeiros dias do ano (mais por reposição de estoques do que por demanda do consumidor), o frango abatido disponibilizado no atacado paulistano só tem feito perder preço. Ontem foi negociado (base: abatido resfriado no grande atacado da cidade de São Paulo) por valores que variaram entre R$2,80 e R$3,00/kg, resultado que significa quedas de 6,5% e 21,8% em relação ao que foi registrado, respectivamente, em 2014 e 2013, nesta mesma data.

É, em suma, o menor valor desde agosto do ano passado e recai diretamente sobre os preços do frango vivo que, pelo menos em São Paulo, tem poucas chances de recuperação antes da virada do mês.

Autoria: Avisite

  • Link:

Comente essa notícia

Agenda de Eventos
Publicidade

A Agroin Comunicação não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos. Todos os direitos reservados © Copyright 2019.